Somos UM somente, portanto não podemos ver no outro o que não está em nós... Alguns de seus pensamentos. ( L.R.)


“Para compreender a doença seu objetivo, sua natureza e sua cura, precisamos em parte compreender a razão de nosso ser e as leis de nosso criador em relação a nós.
É essencial compreender que o homem tem dois aspectos : um espiritual e um físico, e que dos dois o físico é infinitamente menos importante..”
(1930)

“O corpo físico sozinho sem comunhão com o Espiritual é uma concha vazia, uma rolha sobre as ondas, mas quando há união, a vida é uma alegria, uma aventura de interesse absorvente, uma jornada cheia de felicidade, saúde e conhecimento.” (1930)

“De acordo com o estágio particular em que estamos falhando, desenvolve-se no plano físico uma mentalidade definida, com seus consequentes resultados sobre nós e aqueles a nós ligados. É esta mentalidade que mostra ao médico a causa fundamental real do problema do paciente e lhe dá a chave para o tratamento bem sucedido.” (1930)

“O gênio de Hahnemann compreendendo a natureza e a razão da doença, empregou remédios semelhantes, que por intensificarem temporariamente a doença apressavam o seu término. Usou toxinas semelhante para repelir toxinas do corpo.
Mas após contemplar onde seu gênio nos deixou, avancemos mais um passo para ver que há até um modo novo e melhor.
Se um paciente esta com um problema mental, surgirá um conflito entre o Eu físico e o Eu espiritual, que produzirá a doença. O problema pode ser repelido e a toxina eliminada do corpo, mas resta um vácuo: uma força adversa se foi, deixando vazio o espaço que ocupava.
O método perfeito não consiste tanto em repelir a influência adversa, mas em transformá-la na sua virtude oposta e através dessa virtude expulsar a imperfeição. Esta é a lei dos opostos, do positivo sobre o negativo.”
(1930)

“Se você sofre do enrijecimento de um membro ou junta, pode ficar igualmente certo de que possui enrijecimento mental, de que está rigidamente sustentando alguma ideia, algum princípio, algum conceito que não deveria ter. se sofre de asma ou dificuldade respiratória, está de algum modo sufocando outra personalidade. Se não tem a coragem de fazer o que é certo. Esta sufocando a si mesmo. Se desperdiça é porque esta permitindo que alguém impeça que sua própria força vital entre em seu corpo. Até a parte do corpo afetada pela doença indica a natureza da falha. Na mão : falha ou erro na ação; no pé: falha em assistir os outros; no cérebro: falta de controle; no coração: deficiência ou excesso ou ação errônea no que diz respeito ao amor; no olho; falha em ver corretamente, compreender a verdade quando colocada a nossa frente. E exatamente assim pode-se demonstrar a razão e a natureza de uma enfermidade, a lição necessária ao paciente e a devida correção feita.”(Dr. Bach-1931)

“O paciente do futuro precisa entender que ele e somente ele pode trazer alívio para seu sofrimento, embora possa ser aconselhado e auxiliado por um irmão mais experiente que o ajudará em seu esforço...” “... A doença e o mal não devem ser conquistados pela luta direta e sim através da substituição pelo bem. A escuridão se desvanece com a luz e não com a escuridão maior; o ódio pelo amor; a crueldade pela simpatia e piedade e a doença pela saúde.”(1931)

Cuide bem de você!

www.cuidebemdevocê