Em recente texto sobre questões do sangue na linguagem corporal, faço abaixo dele citações sobre não aceitar nada como - incurável... Frase esta, que costuma ser usada  quando não se conseguiu descobrir a causa, origem da doença... Deixei claro também de que não compartilho desse tipo de crença, simplesmente jamais aceitei nada como incurável e vejo nossa mente subconsciente como a grande vilã de memórias ancestrais, que ao meu ver, até poderia ser chamada de hereditariedade...

Afinal, todos nós somos frutos de nossas ancestralidade e não somos apenas um corpo físico, como milenares tradições e medicinas já afirmaram e que a física quântica  já comprova, compartilhamos da mesma mente criadora, infelizmente, de sua parte insana.

Gostaria de relatar aqui um caso, um atendimento que fiz há alguns anos atrás, sobre algo que leva o nome incurável...  Uma mulher por volta de trinta e poucos anos chegou até a mim, pois já havia percorrido vários médicos para sanar um distúrbio que a deixava com vários sintomas gerando muito mal estar.

Ela havia passado por uma série de exames neurológicos e muita medicação alopática e continuava  sem  saber o que tinha e sem soluções...

Como meu trabalho não vai nos sintomas e sim no que está causando, ao fazer a avaliação floral por  radiestesia, entre outros florais que saíram, eis que sai um composto (fórmula) - Síndrome de Tourette, para transtornos neurológicos,etc.. Lembrando que o fato de ser uma fórmula, inserido nesta estão uma vários padrões mentais/emocionais. De qualquer forma, eu jamais tinha ouvido falar o nome desta síndrome.


Os cientistas não têm certeza sobre as causas de tal síndrome  e de muitas outras doenças cerebrais. Sabe-se que é hereditária, na maioria dos casos, mas não se conhece o modo exato como ela é herdada... Enfim, realmente foi até por curiosidade que fui buscar mais a respeito dessa síndrome, pois meu trabalho prescinde de  toda essa informação, meu trabalho vai na causa/origem e não nos efeitos que se apresentam.

Bem, esta síndrome também é tida como hereditária e até onde sei atualmente ainda não se sabe  nada sobre ela. A pessoa após fazer um tratamento nos padrões envolvidos deixou de ter os sintomas... Tempos depois, encontrando-a por acaso em um super-mercado, perguntei-lhe como estava e disse-me que não sentia mais nada.

Não vou dizer que tudo seja simples e rápido assim, pois cada caso é um caso e medicinas muito antigas tratava a cada um individualmente. Porém, independente do tratamento médico que abracemos e a função dos florais não é o de substituir a nenhum tratamento médico, já que sua atuação é no corpo energético do indivíduo, acredito que devemos ir na causa dos sintomas.

Porque não tratar de forma amorosa, fazendo com que padrões mentais emocionais sejam transformados à sua harmonia e equilíbrio com florais, medicação de pura energia, revertendo registros equivocados e assim retornando à nossa Essência?

Deixo aqui uma fórmula que já vem pronta... Pertence ao sistema Floral Flores de Raff , trata-se do vidro estoque, ou seja, há necessidade de ser manipulada em outro vidro devidamente esterilizado: Composto H004: Hemofilia

Preparado com água mineral em um vidro de 30 ml,  como conservante 1 colherinha de Brandy (conhaque de vinho) ou Vinagre de Maçã Orgânico. Coloque 7 gotas do composto dentro desse vidro.

Como já disse, cada caso é um caso e este sistema é utilizado a tomada de dosagens (sua frequência) por hora. Mas como o intuíto aqui é revelar a existência de algo eficazmente natural e que certamente ajudará a muitos hemofílicos, tome 5 gotas desse preparado 6 vezes ao dia (de 3 em 3 horas mais ou menos).

Florais não fazem absolutamente mal algum, muito pelo contrário e também não interferem com nenhum tratamento médico, ao contrário ainda, só somam para um resultado integrativo.

Ao mexermos em padrões mentais e emocionais, podem emergir sintomas, sendo  absolutamente natural, mas que a pessoa pode achar que seu estado piorou, o que não é real, tratando-se somente de uma “crise de cura”. ou catarse... Porém, visto se tratar de um tratamento atuando na causa do problema e não apenas aliviando sintomas a orientação de um profissional para a melhor escolha das Essências Florais é sempre o ideal, pois o Terapeuta tem condições de tirar dessas crises e o padrão emocional/mental continuar a ser trabalhado e mesmo porque, não é apenas uma fórmula ou composto que está envolvido na questão causa, havendo outros florais auxiliares imprescindíveis.

Cuide Bem de Você!

Lena Rodriguez

www.cuidebemdevoce.com