NATAL DE 2016

Ontem conversando com uma amiga ela me disse: “engraçado, mas sinto uma certa angustia no final de ano, algo que não sei bem explicar...é uma certa tristeza...e tenho conversado com várias pessoas que sentem isso também. Porque será?” Fiquei pensando que há um tempo atrás sentia isso também. Nada especifico ou algo que eu soubesse definir.

Acredito que vale uma pequena reflexão... O que nós verdadeiramente queremos é um sentido Real, Algo que nos preencha Verdadeiramente... Nesta data, mais do nunca, o referencial do mundo é externo e podemos perceber que todas estas festas e presentes não nos dão o que nós estamos buscando... São apenas símbolos perdidos de uma falta de Amor Autentico.

Comemoramos o nascimento de Jesus, mas não paramos para pensar na incrível mensagem que Ele nos trás. O fato de vermos Jesus como diferente de nós leva ao florescimento do especialismo e nos afasta de sua mensagem de profundo Amor. Ver Jesus como um irmão mais velho que nos guia, nos ensina e orienta, somente assim podemos assegurar que o Amor especial vá embora.

Ele veio ensinar somente Amor, todo gesto dele era de Amor e de Perdão, sua presença enchia os corações de Amor e gratidão... Ele manifestava o Cristo Vivo. Ensinava mediante o exemplo e era absolutamente irredutível: “Quem não tem pecados que atire a primeira pedra.” Falava para os que tinham ouvidos para ouvir. Convidava as pessoas a se unirem a Ele e quando diziam sim... As ilusões do mundo se desvaneciam (cegueira, paralisia, etc.).

Nosso maior desafio é escolher Amar como Jesus Amou... Isso implica abandonarmos o julgamento sobre qualquer irmão, isso implica não saber o que é melhor para os outros ou como os outros devem agir, isso implica aceitar cada pessoa do jeitinho que ela é sem querer que ela seja assim ou assado, isso implica nos amarmos incondicionalmente. Isso implica começarmos a abandonar o medo, deixar de ser ansiosos, saber que todas as coisas que nos acontecem são cenários para serem perdoados.

Nosso pedido de ajuda a Jesus permite que Ele corrija nossas percepções errôneas, guiando nossa visão para dentro de nós.

Portanto, Ele nos ensina a ver o mundo como um espelho para a decisão de nossa mente pela crucificação ou pela Ressurreição, pela condenação ou pela Santidade.

Nossa meta aqui então, é adotar o Sistema de pensamento do Amor que é o sistema de pensamento que Jesus quis nos ensinar...

Para mim isso faz verdadeiro Sentido e permite que a LUZ e o Amor aflorem em meu coração trazendo uma sensação de PAZ e preenchimento.


por Sirilei Gambin

_________________________
CUIDE BEM DE VOCÊ

www.cuidebemdevoce.com