"Há milhares de véus entre nós e a Divindade... e nenhum entre a Divindade e nós.
Os véus são as bagagens na mente, que filtram o que vemos."

As bagagens mentais que carregamos é que determinam nossa maneira de pensar e de projetar o mundo, porque o que vemos lá fora são as projeções de nossa mente.

Tem várias coisas a serem vistas nesta imagem acima. Em primeiro lugar a pessoa está carregando, toda uma série de malas e outras coisas... Equilibrando na cabeça, buscando conduzir toda essa bagagem... Essa bagagem representa o conhecimento e o mesmo se encontra em compartimentos... Cada mala está em uma disciplina, um aprendizado, etc... Cada mala é uma maneira da pessoa se identificar, se definir.

Observe que a pessoa está andando, buscando equilibrar tudo isto em sua vida... São coisas que ela considera importantes para ela. Essa bagagem cria uma limitação em termos do que a pessoa se permite ver, porque ela só vai querer ver as coisas dentro daqueles parâmetros, daquelas crenças que estão nessa bagagem, em cada uma dessas malas.

Outra coisa que podemos observar é que a pessoa está de costas para a luz e ela está seguindo sua sombra que está nesse caminho aqui em frente... A sombra é uma interpretação da luz, uma interpretação que passa através de filtros que são as bagagens, véus... Os filtros seriam como uma fotografia nas imagens, são os filtros que determinam e realçam determinados tons ou cores e que limitam... Isto é o que está sendo ilustrado nessa imagem.

Fica mais fácil entende-la em termos do ponto de vista, porque quando praticamos Ho’oponopono , temos a escolha entre duas maneiras de viver... Uma é viver pelas memórias se repetindo que são conseqüências dessa bagagem, do conhecimento ou pelas inspirações, que são vindas do Divino em nós e conseguimos através da limpeza desses padrões dessa bagagem.

Há vários aspectos nessa imagem que dá para ver... A pessoa com óculos cor-de-rosa, que é um filtro, pois ele vê a vida conforme as suas crenças e muitas vezes não percebe toda uma série de outras coisas se apresentando em sua volta... A coroa de Rei desenhada em sua barriga significa “ter o Rei na barriga”, muitas vezes temos o Rei na barriga.


Texto de Al McAllister transcrito e adaptado por mim da Sessão de Limpeza do dia 10/11/2009 e que poderá ser ouvido o áudio em sua íntegra aqui

Tais bagagens, tratam-se de nossas memórias, crenças tão bem colocada  pelo Al em nossa Sessão Virtual de Limpeza... Ho’oponopono é um processo fácil de pedir pela limpeza desses padrões, porém há momentos em que as mexidas nessas crenças tão enraizadas, cristalizadas são tão intensas que não devemos abrir mão de outros recursos, tantos os apresentados pelo próprio Al e de grande valia, como O PORTAL, A PROPOSTA, assim como acompanhamento em Terapia Floral, aliado a E.F.T.. Processos, ferramentas, técnicas e medicação vibracional para uma potencialização rumo à nossa Identidade Própria.

Lena Rodriguez