“Somente quando abandonamos a idéia  de que cada tipo de deficiência é uma condição desagradável que deve ser eliminada ou compensada tão rápida e discretamente como seja possível, podermos tirar uma vantagem do problema. A desordem é uma desordem que nos impede continuar vivendo da maneira usual (a deficiência deve incapacitar-nos para continuar a viver como o fazemos agora). Então, a doença torna-se o caminho e nos leva à cura”.

(Dethlefsen e Dahlke em “A Doença como caminho”)

Praticamente toda doença tem uma origem psíquica típica para esta doença. “Soma” é a palavra em latim para descrever o corpo e se a psique é colocada permanentemente num aspecto particular, a um estado de desequilíbrio e desarmonizado, o psicosomatiza e mostra ao corpo onde reside o problema.


Essências Florais ajudando-nos em nossos desafios

As essências florais são elixires sutis que despertam, fortalecem em nós qualidades, dons, virtudes (bondade, alegria, coragem, desapego, capacidade de perdoar, amor incondicional, etc…), que vivem na dimensão da alma de cada um, trazendo-as à consciência e para expressão através da personalidade, à medida que as situações da vida nos desafiam.

Uma essência floral é a impressão ou o registro, guardado na água, da força anímica singular de uma determinada planta, que é coletada geralmente através de infusão solar de suas flores em água mineral.

Em outras palavras, a água retém a informação das propriedades sutis de cura da planta, sem que para isso tenha sido adicionado a esse preparado original nenhuma substância oriunda da própria planta ou não.

As essências florais são preparadas, no “laboratório da natureza”, a partir de flores silvestres no auge da florada, nas primeiras horas da manhã quando a planta ainda está cheia de orvalho, em ambientes em que as forças elementais se encontram intactas.

“Essências florais: são preparados naturais, artesanais, que trazem em seu conteúdo o registro do padrão de uma ou mais virtudes que são manifestações da consciência originárias da natureza que entram em ressonância com o campo de consciência de pessoas, grupos, coletividades, animais, ambientes ou ecossistemas agindo como princípios catalisadores que ativam processos de transformação da consciência, despertando talentos e potenciais latentes, proporcionando a restauração da paz e o equilíbrio do ser humano e da sociedade.”

ABREFLOR - Mônica Cervini (presidente)- Fonte

*********

Lena Rodriguez

www.cuidebemdevoce.com