Três erres: Resistência, Reparação e Recuperação, foram e são interesses da medicina do Vermont. Primeiro, a pessoa se pergunta se sua resistência  à enfermidade é a que deveria ser. A seguir, se será capaz de reparar o tecido lacerado em caso de acidente. Por fim, se adoecer, terá a melhor capacidade de recuperação.

Com o passar dos anos, aprende-se que o iodo está relacionado com a capacidade de resistir as moléstias.

O iodo é necessário para que a glândula tireóide exerça bem sua função. A tireóide humana está localizada na base do pescoço. Todo o sangue do corpo passa por ela a cada 17 minutos. Visto que as células que compõem esta glândula tem afinidade com o iodo, durante essa passagem, a cada 17 minutos, a secreção de iodo da glândula mata os germes que porventura entraram no sangue através de uma machucadura na pele, das mucosas do nariz ou da garganta ou pela absorção dos alimentos no canal digestivo. Os germes fortes e virulentos enfraquecem ao passar pela tireóide. A cada 17 minutos , tornam-se ainda mais fracos, até que são finalmente eliminados se a glândula tiver a sua quantidade normal de iodo. Caso contrário, não poderá matar os germes nocivos que circulam no sangue como a Natureza havia determinado.

Está estabelecido que o teor do iodo da glândula tireóide depende da quantidade de iodo fornecida pelos alimentos e pela água ingeridos. Se a quantidade de iodo for insuficiente, a glândula estará sendo privada de um elemento necessário ao seu funcionamento.

... esta glândula tem outras funções além de matar os germes nocivos do sangue. Uma é a de refazer a energia necessária para a execução do trabalho diário. Há uma grande relação entre a energia que se tem e a quantidade de iodo tomada.(...)

Outra função do iodo é acalmar o organismo e aliviar a tensão nervosa. Em grau elevado, esta acarreta irritabilidade e insônia, o organismo fica sempre em atitude de combate. Dai a necessidade de tomar iodo para diminuir a tensão nervosa, possibilitar a paz e a calma, através da formação de reservas adequadas.

Crianças irritadas, impacientes e inquietas, tensão nervosa...

A terceira função do iodo sobre o organismo humano, relaciona-se ao raciocínio claro. A mente trabalha melhor quando o corpo recebe o iodo de que necessita.

Há também o problema da gordura excessiva. O iodo é um dos melhores catalizadores oxidantes que conheço. O iodo é a chama que acende em nosso organismo o fogo que queima os alimentos ingeridos diariamente. Se esta alimentação não for devidamente queimada, poderá ser retida sob a forma de adiposidade indesejável.

Mas, se a tireóide faz reserva de iodo, através do sangue que por ela passa a cada 17 minutos, também o poderá perder, se bebermos água clorada ou abusarmos do cloreto de sódio, vulgarmente conhecido como sal de cozinha.

Maneiras de manter a taxa necessária de iodo:

Comer  todos os alimentos marinhos e rabanetes, aspargos, cenouras, tomates, espinafre, ruibarbo, batatas, ervilhas, morangos, cogumelos, alface, banana, repolho, gema de ovo e cebolas.

Tomar preparados que saibamos ricos em iodo > óleo de fígado de bacalhau, Lugol ou Kelp (tabletes de algas). (...)

(Trechos do livro Folk Medicine e adaptados por Lena Rodriguez)

 

Em minhas avaliações por radiestesia dou atenção, entre outros elementos, a este componente importantíssimo para todo ser humano em dosagens individuais, de acordo com seu peso.


Cuide bem de você... www.cuidebemdevoce.com