UM POUCO NUTRIÇÃO e SAÚDE...

O poder da cura da cebola no vinagre! Receita de médicos japoneses!


Ter saúde é ter alegria! É estar sempre no modo #tofelizdavida E, para falar sobre isso apresento hoje uma receita que faz verdadeiras transformações, um remédio da Farmácia de Deus, como diz o dr. Lair Ribeiro. Esta receita é simples, com ingredientes da natureza. Vamos conferir as 15 recomendações? 

Aprendi isso lendo uma revista especializada em saúde. Vários médicos comprovam a eficiência e a eficácia da cebola no vinagre, em seus pacientes. Ela serve para:


  1. Pressão arterial alta
  2. Diabetes
  3. Dieta de emagrecimento
  4. Colesterol
  5. Arteriosclerose
  6. Gordura localizada
  7. Zumbido nos ouvidos
  8. Dor nos joelhos (e articulações)
  9. Osteoporose
  10. Hepatite C
  11. Asma
  12. Esquecimento
  13. Intestino preso
  14. Insônia
  15. Gripe

Nossa! Tudo isso!

Sim. Há relatos de pacientes desses médicos que perderam 34 Kg, tiveram suas artérias limpas e com a circulação fluindo normalmente, reduziram as medidas da cintura (síndrome metabólica), deixaram de ter zumbido nos ouvidos e muito mais.

Então, está louca pra saber da receita né 😛

Cebola no vinagre: explicações do médico 


Quem ensina a receita é o médico Hiroshi Shuto, dono da Clínica Minami Koshigaya Kenshinkai, situada em Koshigaya (Saitama).  Ele se tornou uma personalidade famosa, depois de ensinar essa receita nos programas de TV e em revistas. Segundo ele, os vegetais possuem compostos chamados de fitoquímicos, os quais são imprescindíveis para ajudá-los a se protegerem dos predadores ou patógenos. Os fitoquímicos allium e sulfureto de aliloajudam a reduzir a rigidez dos vasos sanguíneos, deixam o sangue fluído, ajudam a diminuir a pressão arterial alta e ainda são excelentes para reduzir os níveis de açúcar no sangue dos diabéticos. Esses fitoquímicos ajudam ainda a diminuir o risco de doença arterial coronariana, doença vascular periférica e acidente vascular cerebral. 


As cebolas são boa fonte do antioxidante flavonoide quercetina, que ajuda a baixar a pressão arterial. Além disso, tem funções para ajudar a combater o câncer, é anti-inflamatório e recomendada para os diabéticos. Na linguagem popular, a cebola ajuda a “afinar” o sangue, a reduzir a gordura localizada, a manter a flora intestinal em dia e promove inúmeras melhorias na saúde.


“Eu mesmo consumo a cebola no vinagre há mais de 15 anos”, diz o médico para a revista. Ele próprio obteve as seguintes melhoras: intestino funcionando normalmente e acabou com o zumbido dos ouvidos decorrentes do estresse, revela. Ele explica que vem recomendando aos seus pacientes e eles têm obtidos resultados impressionantes. A recomendação é se servir dessa iguaria durante as refeições. Ele, particularmente, no café da manhã come junto com as folhas de repolho cozidas no vapor. Só isso. O médico lembra que além da cebola, é importante consumir o caldo, pois nele estão contidos minerais e princípios ativos importantes para a saúde.

Receita básica da cebola no vinagre


Para fazer essa receita você vai precisar dos seguintes ingredientes:

1 cebola

1 pitada de sal (dê preferência para sal de boa qualidade)

Vinagre

Mel

1 pote de vidro com tampa


Modo de preparar:

Descasque a cebola

Corte-a ao meio e depois fatie bem fininha

Deixe-a em repouso por pelo menos 20 minutos a 2 horas

Em um pote de vidro coloque as fatias de cebola

Acrescente a pitada de sal (marinho ou do Himalaia)

Adicione 1 a 2 colheres de sopa (rasas) de mel puro

Cubra a cebola com o vinagre

Com um hashi, misture bem e tampe o pote de vidro

O vinagre pode ser o de sua preferência: de maçã, preto, de arroz, etc.

Guarde o pote de vidro na geladeira por 5 dias. Só depois consuma a cebola no vinagre. Essa cebola dura de 1 semana a 10 dias na geladeira. A minha recomendação é fazer logo umas 2 a 3 cebolas, pois acaba logo.

Como degustar e saborear a cebola no vinagre

Conforme os médicos da revista indicam, eu consumo a cebola no vinagre nas minhas refeições diárias.

Como ela combina com azeite de oliva, uma das formas é usá-la como molho de salada. Outras formas são:

  • Combina com carnes de frango, porco, bovina e pescados, assados ou grelhados
  • Combina com legumes cozidos no vapor
  • Combina com tofu, especialmente se tiver os peixinhos secos
  • Combina com o gyoza
  • Combina com arroz, natto e um pouco de maionese
  • Molho tártaro: acrescente a cebola no vinagre
  • Cozidos de carne ou frango: depois de pronto, cubra-o com essa iguaria
  • Sanduíches

Quanto comer por dia

Para quem quer prevenir o câncer, pode comer o equivalente a meia cebola todos os dias. Para outras doenças já instaladas como asma, osteoporose, colesterol alto, pressão alta, diabetes e outras, ingerir o equivalente a 1/4 de cebola nas refeições ao longo do dia.

Outro médico, Yoshimi Saito, recomenda as seguintes combinações, de acordo com cada doença.

Diabetes: cebola + variedades de cogumelos

Pressão alta: cebola + batatinha e chirimen jako (peixinho minúsculo seco)

Recuperação da fadiga: cebola + carne de porco

Além disso, ele recomenda que se for combinar essa iguaria de cebola com saladas, recomenda o azeite de oliva ou óleo de gergelim (prensado a frio)

Explica também que se quiser usar durante o preparo de um prato quente, a cebola não perde suas propriedades com o fogo, por isso, pode usá-la em cozidos, assados e frituras.


FONTE: http://tofelizdavida.com/o-poder-da-cura-da-cebola-no-vinagre-receita-de-medicos-japoneses/



No Japão é conhecido como SAYU

Leiam isso é importante

Um grupo de médicos japoneses confirmou que água morna é 100% efetiva na solução de alguns problemas de saúde. Veja aqui: 

http://www.cuidebemdevoce.com/sayu-a-import%C3%A2ncia-da-%C3%A1gua.php

ALIMENTOS QUE AUMENTAM A BARRIGA

Os alimentos que estimulam uma grande produção de insulina pelo pâncreas são os maiores responsáveis pelo acúmulo de gordura abdominal, levando ao desenvolvimento da resistência à insulina. Essa resistência à insulina pode levar ao diabetes. A insulina é um hormônio fundamental para colocar a glicose dentro da célula para produzir energia, entretanto quando produzido em excesso vai causar um desequilíbrio no organismo: vai fazer lipogênese (produção de gordura) na região abdominal e também vai aumentar o hormônio do apetite (grelina) além de diminui o hormônio da saciedade (leptina), aumentando assim a compulsão alimentar.

ALIMENTOS QUE AUMENTAM A GORDURA ABDOMINAL:

- Carboidrato de alto índice glicêmico (farinha branca refinada e seus derivados, açúcar, e doces em geral), porque necessitam de muita insulina;
- Carboidrato de alto e baixo índice glicêmico em quantidade exagerada numa mesma refeição, pois produz excesso de insulina;
- Gordura trans (biscoito recheado, pipoca de microondas, bolo industrializado, etc.);
- Gordura saturada em excesso (carnes gordas, pele de frango, salame, linguiça, manteiga, bacon, etc.).


ALIMENTOS QUE NÃO AUMENTAM A GORDURA ABDOMINAL:

- Carboidrato de baixo índice glicêmico em quantidade moderada (pão integral (receita abaixo do pão integral que faço para mim), hortaliças, frutas, cereais integrais, grãos, etc.), pois produz nível adequado de insulina;
- Gordura monoinsaturada em quantidade moderada (azeite de oliva extra-virgem, amêndoa, castanhas, nozes, etc.);
- Gordura poli-insaturada em quantidade moderada (salmão, atum, sardinha, chia, linhaça, etc.);
- Antioxidantes (vitamina C, vitamina E, selênio, zinco, betacaroteno, licopeno, antocianina, flavonoides, etc.). A gordura abdominal produz citocinas (substâncias inflamatórias) que oxidam as células e os antioxidantes vão protegê-las.

FONTES DE ANTIOXIDANTES:

- Vitamina C (laranja, tangerina, abacaxi, morango, vegetal verde escuro, etc.);
- Vitamina E (azeite de oliva, óleo vegetal, oleaginosas, abacate, etc.);
- Selênio (castanha do Pará, uma grande fonte);
- Zinco (nozes, frango, feijão, etc.);
- Betacaroteno (cenoura, mamão, abóbora, vegetal verde escuro, etc.);
- Licopeno (tomate, melancia, goiaba, etc.);
- Antocianina (açaí, berinjela, cebola roxa, repolho roxo, etc.);
- Flavonoides (uva, cebola, chá verde, cacau, etc.).

Nutricionista Neuza Cavalcanti

PÃO INTEGRAL COM GRÃOS GERMINADOS
Tem alguns ingredientes básicos, mas eu faço meio a olho, sentindo (se é que dá para entender, rsrss)

Sempre na proporção de 1/2 xícara de cada grão germinado, a sua escolha:
Grãos de: Girassol,  Trigo,  Quínua. Trigo Sarraceno, Semente de Linhaça, etc... (como germiná-los abaixo)

INGREDIENTES:
1 copo de óleo (uso o de girassol)
1 copo de leite (dou uma amornada)
1 copo de água morna
1 pacotinho de fermento seco para pão
1 1/2 colher de sobremesa de sal (uso o sal marinho)

Bater tudo no liquidificador (cuidado para que tanto a água, quanto o leite não esquente demais, senão poderá afetar o fermento).
Farinhas de TRIGO INTEGRAL e branca comum, em uma proporção de 3/4 da Integral e 1/4 da branca + ou - (ao todo uma média de 1 kilo com as duas).
Coloque os grãos e despeje os ingredientes já batidos. Amasse bem e se precisar coloque um pouco mais de farinha branca (como eu disse acima, terá que sentir, nem muito dura e nem pegajosa).

GRÃOS > Germinar:
Escolha os grãos, coloco para essa receita uma xícara de chá de cada um que eu escolher.
Utilizo vidros tipo de maionese para colocar cada grão.
Coloco os grãos no vidro, cubro com um pedaço de Filó (tecido furadinho) e coloco a volta do vidro uma borrachinha para prender.
Coloco água filtrada dentro (encher), e dou uma lavadinha, escorrendo toda a água, umas 2/3 vezes.
Coloca nova água e vou deixar coberto com um pano de copa de preferência em lugar meio escuro (todos os vidros com os vários grãos).
Costumo fazer isto à noite e deixo-os de molho nessa água.
Na manhã seguinte eu jogo a água fora (sem tirar o Filó) e enxaguo várias vezes, normalmente a água sai com bastante espuma (depende muito do tipo de grãos, mas isto seria a eliminação da fermentação que nos causaria gases internos).
Deixo-os de boca virada para baixo, levemente inclinados (normalmente os coloco no escorredor de pratos em cima da pia da cozinha).
A noite, lavo-os novamente, repetindo a sequencia da manhã e deixo-os virados igualmente e cobertos.
No dia seguinte, é possível que já estejam germinados, reconhecemos pelo olhinho que desponta nos grãos. (alguns grãos germinam mais rápido do que outros, depende muito da semente - ver na Internet sobre o assunto)
No caso da SEMENTE DE LINHAÇA, lavo-as e depois acrescento o copo de água que irá nos INGREDIENTES acima, pois nela a água NÃO será eliminada e nem lavada novamente. Na Linhaça deixada de molho os Ômegas 3, 6 e 9, serão eliminados (sairão na água) da semente e DEVEM ser aproveitado tudo, semente e água.

Bem, estou tão acostuma a fazer que não sei se coloquei de maneira clara. Qualquer dúvida é só me contatar: liberdadedeser@gmail.com


PS: Pode ser utilizado o LEITE DE AVEIA abaixo. Como utilizo leite em pó, pois já há alguns anos 'não tomo' leite (como hábito diário), acrescento o leite de aveia e coloco 2 colheres de sopa de leite em pó.

Isso vai acontecer ao seu corpo se você comer gengibre todos os

dias durante 1 mês

leia mais aqui

LEITE DE AVEIA

Vegetal mais fácil e barato para se fazer em casa! Ele dispensa o uso de máquinas para leite e afins, você o faz facilmente com liquidificador e um pano fino para coar o leite. Ele dá uma maciez toda especial para massas como: bolos, tortas, panquecas, etc. Experimente utilizá-lo no lugar do leite de soja! Não se esqueça de deixar a aveia de molho na água por, pelo menos, uma hora. O resíduo da aveia você pode utilizar para enriquecer qualquer receita!

Ingredientes:
- 2 xícaras (chá) de aveia em flocos
- 3 xícaras (chá) de água mineral ou filtrada
- 1 colher (chá) de essência de baunilha (opcional, ou a sua escolha)
- Qualquer tipo de açúcar a gosto ( Uso mascavo ou demerara)

Modo de preparo: Deixe a aveia de molho na água por, pelo menos, 1h.
Coloque todos os ingredientes no liquidificador e bata bem. Coe e leve a geladeira. Dura até 3 dias na geladeira.


 Análise nutricional da aveia (por 100g):
energia: 384 kcal - proteínas: 16 g - total de gorduras – 6.3 g - hidratos de carbono: 67 g - fibra: 9,8 g - cálcio: 52 mg - ferro: 4.2 mg - magnésio: 148 mg - fósforo: 474 mg - potássio: 350 mg - sódio: 4 mg - zinco: 3,07 mg - cobre: 0,343 mg - manganês: 3,630 mg - selénio: 34 mcg - vitamina B1 (tiamina): 0.73 mg - vitamina B2 (riboflavina): 0.14 mg - vitamina B3 (niacina): 0.78 mg - vitamina B5 (ácido pantoténico): 1.245 mg - vitamina B6: 0.120 mg - vitamina E: 0.700 mg - vitamina K: 3.2 mcg


SUCO DE INHAME

O inhame, sem dúvida, está na lista dos alimentos mais medicinais.
Ele é muito rico em nutrientes e vitaminas, sendo considerado ótima fonte de energia.
No inhame, há boa quantidade de betacaroteno, vitamina C, B, cálcio, ferro e magnésio.
Combate os radicais livres e melhora a circulação sanguínea.
Esse tubérculo é um poderoso depurativo do sangue.
E, por isso, embeleza a pele e combate acnes, espinhas, cravos e celulite.
Mas não para nisso: o inhame fortalece os ossos, é poderoso antibiótico, facilita a digestão e evita problemas no aparelho digestivo.
Como tem o poder de purificar o sangue, ele fortalece o sistema imunológico, ajudando no combate a gripes, dengue, cansaço físico e doenças infecciosas.
O inhame é especial para as mulheres, pois tem a capacidade de equilibrar os níveis do hormônio feminino progesterona, além de amenizar os sintomas da TPM, como cólicas, irritação e ansiedade.
Na menopausa, o inhame também é muito indicado por reduzir o risco de perda óssea.
Inhame cru é tóxico?
O inhame contém o ácido oxálico, que também está presente em vegetais como batata, beterraba, espinafre, ruibarbo.
O inhame branco japonês, o mais medicinal, possui teor baixíssimo desse ácido.
O ácido oxálico NÃO é prejudicial à saúde, MAS ELE É O RESPONSÁVEL PELA COCEIRA PROVOCADA QUANDO MANIPULAMOS O INHAME CRU.
Por isso, ANTES DE TOMAR O SUCO COM INHAME CRU, FAÇA O TESTE: se ao descascar o inhame, sentir alguma coceira na mão, significa que você deve ter cautela ao consumi-lo cru e também deve evitar usá-lo na pele (como ingrediente de máscaras caseiras). Se não sentir coceira, você pode tomar tranquilamente o suco de inhame, cuja receita está a seguir.

SUCO DE INHAME > INGREDIENTES:
1 maçã.
1 limão.
1 inhame pequeno ou metade de um médio da variedade conhecida como japonês ou paulista (veja a foto).
Meio litro de água.
Se quiser adoçar, use mel ou açúcar mascavo.

PREPARO
Esprema os limão, pique o inhame e a maçã.
Bata tudo no liquidificador e sirva com ou sem gelo.
O suco pode ser consumido diariamente.

Fonte

Artigo I: INHAME: http://terapiafloralon-line.blogspot.com.br/2010/06/216-inhame.html
Artigo II: INHAME E A DENGUE: http://terapiafloralon-line.blogspot.com.br/2012/04/inhame-e-dengue.html

 RECEITA EM VÍDEO – LEITES VEGETAIS

3 receitas básicas de leites vegetais (amêndoas, amendoim e aveia) porque muitas pessoas tem dúvidas na hora de substituir o leite animal.
As vídeos serão sempre cheios de dicas e explicados passo a passo. As receitas estão na descrição do vídeo (basta clicar em “mostrar mais”).

OS BENEFÍCIOS DO ABACATE
Até pouco tempo atrás, a preocupação a respeito dos alimentos era concentrada unicamente em suas quantidades de calorias. O mundo evolui, a medicina é uma ciência de verdades transitórias e a Nutrigenética revolucionou a maneira de pensar em nutrição humana.

O genoma humano foi publicado no ano de 2003. Esperava-se que fosse composto de pelo menos 120 mil genes, quando na verdade, descobriu-se que temos apenas 23 mil genes funcionais. A partir daí e com o conhecimento de que alimentos como o arroz, contém cerca de 31 mil genes, a ciência médica iniciou uma busca para desvendar quais seriam então os fatores que têm influência sobre o corpo humano e que determinam de fato a vida e saúde de cada indivíduo.

Surgiu então a ciência da Epigenética e as respostas eram óbvias, o que determina praticamente tudo o que acontecerá na vida de cada um é o modo de vida e principalmente, a alimentação, portanto nutrir-se começou a significar muito mais do que simplesmente cuidar para não engordar e manter-se no peso ideal. E a cada dia surgem novas descobertas por trás então do quanto cada alimento representa e influencia na epigenética das pessoas, fazendo com que as mesmas acelerem ou não desenvolvam doenças, envelheçam mais ou menos rápido.

Bom, hoje escreverei sobre o Abacate (nome científico Persea gratissima Gaert), FRUTA QUE FOI CONDENADA DURANTE MUITOS ANOS POR SER “GORDUROSA” E PODER TRAZER RISCOS À SAÚDE, MAS QUE NO ENTANTO JÁ FOI PROFUNDAMENTE ESTUDADA DE FATO E HOJE SABEMOS QUE ALÉM DE NÃO ENGORDAR, AINDA GUARDA PARTICULARIDADES ESPECIAIS PARA A SAÚDE.

O Abacate é uma fruta de baixo teor de frutose (açucar da fruta extremamente tóxico ao corpo humano quando ingerida sem as fibras das frutas) e que só tem 2 gramas de carboidratos por fruta.

São frutas nativas da América Central e do Sul e foram cultivadas nestas regiões desde 8000 aC. Hoje, o abacateiro, da família das Lauráceas, o principal produtor é o México, mas ele é cultivado também na América do Norte, Israel, África do Sul, Austrália e Nova Zelândia. No Brasil, chegou por volta dos séculos XVI e XVII, trazido da Guiana Francesa por Luis de Abreu Vieira e Silva. E as mudas cresceram devido à adaptabilidade do clima. De acordo com a pesquisadora Vera Lúcia Ferraz Francisco, o Brasil é hoje o quarto produtor mundial e o estado de São Paulo, a principal região produtora.

Mas já que estamos já em 2012 e inundados em rios de agrotóxicos, tendo em vista a forma de cultivo dos vegetais de hoje em dia, cabe ressaltar o abacate ainda tem uma grande vantagem devido a sua casca grossa que protege a fruta interior da ação dos pesticidas e venenos.
Faço parênteses aqui só para lembrar vocês de que o Brasil é o país número 1 em uso de agrotóxicos no mundo, tendo em media um consumo de 5,2 Litros por pessoa, por ano! *ler artigo que já escrevi e está no arquivo do blog sobre agrotóxicos.

PROPRIEDADES
O abacate é rico em vitamina E, A, B1, B2, gorduras monoinsaturadas, sais minerais, Cálcio, Ferro, Fósforo e Magnésio (que está definitivamente entre os principais minerais do corpo). Seu acentuado valor energético é relacionado ao seu conteúdo em gorduras, responsável pelo aumento do colesterol HDL (considerado o bom colesterol). Contém ainda proteínas, fitosterol, Lecitina (substância que auxilia na desobstrução dentro dos vasos sanguíneos), Tanino, Ácido Oléico (ômega 9), Linoléico (ômega 6) e Palmítico.

Mas foi após os estudos sobre “radicais livres” terem ganhado prêmio Nobel, que as descobertas sobre as propriedades dos antioxidantes tomaram proporções importantes na medicina. Sabemos atualmente que através de antioxidantes existentes na natureza, podemos combater o “estresse oxidativo” e consequentemente uma infinidade de doenças.

E através de estudos como o realizado no Japão, onde foi demonstrado que a fruta tem efeito protetor para o fígado, que as pesquisas para elucidar os motivos específicos para que isto acontecesse tornaram-se cada vez mais comuns, até que chegou-se à grande descoberta: O Abacate é rico em Glutationa, o antioxidante mais potente que existe no corpo humano!

A Glutationa, também chamada de Glutatião ou GSH é uma das substâncias mais pesquisadas do mundo da Antiaging Medicine e da Nutrigenética devido a sua importância na proteção celular ao “rejuvenescer” as células, participar do fortalecimento do sistema imune (ação imunomoduladora), ser detoxificante, ou seja, “decompõe” e neutraliza a ação dos radicais livres, protege as células de substâncias cancerígenas e da peroxidação lipídica (reação em cascata que ocorre nas células e forma radicais livres a partir da oxidação de gorduras), entre outras co-funções metabólicas na metilação de genes.

Bom, mas além destas propriedade incríveis da Glutationa, voltando ao Abacate podemos ainda dizer que é uma boa fonte energética, melhora a função intestinal, tem ação antinflamatória e dá suporte à formação óssea. É importante salientar também que o tipo de gordura existente do Abacate, é benéfica para a relação entre os níveis de colesterol, melhorando suas taxas. Gordurosa ou não, o fato é que essa fruta tem mais potássio do que a banana (são 351 mg a cada 100 gramas) e de todas as frutas é ela que possui mais betacaroteno um pigmento antioxidante que auxilia na obtenção de vitamina A.

Amigos, eu teria páginas e mais páginas para escrever sobre cada substância existente dentro do Abacate, mas minha intenção é que vocês não tenham mais medo em consumi-lo.

Diferentemente do que estamos acostumados a escutar, nem tudo que é gorduroso engorda!

Na realidade, posso dizer a vocês que o que mais engorda são estes lanches industrializados, os carboidratos e não as gorduras naturais. Aí não interessa a quantidade de calorias, mas sim de onde vêm estas calorias.

Sendo assim, considera-se hoje que a fruta tenha uma ação nutritiva muito importante. Minha recomendação, como com todos os alimentos em geral, não é comer abacate em excesso, mas que ele faça parte de sua dieta equilibrada de alimentos.

E agora, quanto tempo vocês deixaram de comer esta fruta por terem ouvido de algum profissional de saúde que engordava e aumentava colesterol? Da mesma forma com que falou-se e ainda falam por incrível que pareça, as mesmas coisas sobre o “ovo”, infelizmente vocês ainda ouvirão estas informações descabidas sobre o abacate. Mas não hesitem, não tenham dúvidas, pois a fruta é sim saudável e deve fazer parte de sua dieta.

Por ser considerado realmente o maior antioxidante do corpo humano, deixem-me alertá-los de uma coisa importante. A glutationa é uma das substâncias que podem ser compradas nos estados unidos em muitas farmácias e lojas de suplementação, porém especificamente este antioxidante, não tem boa absorção em cápsulas. Deve ser ingerida nos alimentos, aí o abacate é o que tem maior concentração, seguido da melancia, ou suplementado através de administração injetável semanalmente.

Atualmente já temos no brasil gsh injetável e nos estados unidos, além do injetável, a forma através de gel desenvolvido com nanotecnologia de alta absorção, ou seja, o princípio ativo é aplicado sobre a pele e tem absorção direta para a corrente sanguínea, da mesma forma que os hormônios bioidênticos, mas o acesso é limitadíssimo ao único que considero sério realmente, pois é ainda uma novidade e só existe um laboratório produzindo em caráter semi-sigiloso.

Posso lhes dizer que já tive acesso aos estudos deste laboratório, também já usei e comprovei a qualidade do produto inclusive sobre queimaduras (uma aplicação que ainda está sendo estudada, pois não era uma ação esperada), e será lançado como um dos mais avançados cremes de rejuvenescimento com ação sobre a pele e sistêmica também. Enquanto isto, faço em mim mesmo aplicações semanais da injetável como prevenção e junto com todas as outras substâncias que utilizo, este é mais um motivo pelo qual não fico doente faz muuuuito tempo...

Por enquanto então, temos a disposição a forma injetável e tão logo chegue ao Brasil o Gel, contarei a vocês!


Dr. Victor Sorrentino – Blog: http://www.blogdodrvictorsorrentino.com/2012/06/os-beneficios-do-abacate.html?m=0

BABAGANUCHE -PASTA DE BERINJELA

Além de saborosa, reduz colesterol, emagrece e afina cintura. E é ótima para a saúde. Muitos estudos já comprovaram que a berinjela faz o colesterol despencar. Essas mesmas pesquisas provaram que o consumo deste legume (a rigor, a berinjela é fruto) também reduz as TAXAS DE TRIGLICÉRIDES e ÁCIDO ÚRICO – afastando, portanto, as chances de desenvolvimento de DOENÇAS CARDIOVASCULARES. Uma substância presente  na berinjela, a niacina, contribui intensamente para o emagrecimento.  Além disso, há as fibras, que são responsáveis por proporcionar uma sensação de saciedade e ainda auxiliam na redução da absorção intestinal da gordura.

Para você que quer "exterminar" a barriguinha, olha esta notícia: uma pesquisa feita pelo Departamento de Nutrição e Dietética da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) constatou que houve uma redução significativa na circunferência da cintura (ou seja, a gordurinha abdominal) do grupo que incluiu a berinjela na dieta. Como se não bastasse, esse grupo ainda viu o índice de massa corporal (IMC) baixar e o percentual de massa magra subir.

INGREDIENTES:

2 berinjelas médias (700 gramas)

5 colheres (sopa) de tahine (Compra-se em bons supermercados ou em lojas de produtos naturais/orientais. Você também pode fazer. (A receita do Tahine está abaixo)

4 colheres (sopa) de suco de limão

2 colheres (chá) de sal

2 dentes de alho amassados

1/3 de xícara de água

Azeite e salsinha a gosto

MODO DE PREPARO

Coloque as berinjelas com casca sobre a chama do fogão, em fogo baixo. Grelhe as berinjelas, virando-as de vez em quando, até que fiquem bem macias e soltem a casca com facilidade (a casca fica bem queimada).

Deixe-as esfriar.

Corte-as ao meio com uma colher, retire a polpa das berinjelas e deixe escorrer numa peneira por 5 minutos até soltar todo líquido. Amasse a polpa com um garfo até formar um purê. Acrescente o tahine, o limão, o sal e o alho. Misture bem.

Ponha a pasta em um prato ou travessa, regue-a com o azeite e polvilhe com a salsinha.

COMO FAZER TAHINE

Tahine é uma pasta feita com gergelim, rica em cálcio, proteínas e vitaminas. O gergelim é uma das melhores fontes de cálcio e riquíssimo em gorduras do bem, que contribuem para a saúde do coração e para a eliminação de quilinhos extras.

Geralmente eu uso o próprio gergelim no purê que faço com cebola, chuchu, orégano, cenoura, jerimum e outros vegetais. 

 Cozinho tudo com um pouco de água e sal por dez minutos e, na hora de liquidificar, acrescento uma colher de sopa de gergelim lavado. Fica ótimo.

Para fazer o tahine, lave bem uma boa quantidade de gergelim (em média 200 gramas), escorra numa peneira e pise no pilão ou no liquidificador. Se usar o liquidificador, bata uma pequena quantidade de cada vez (para não queimar o motor). Quando a pasta grudar nas lâminas, desligue, mexa com o cabo de uma colher de pau ou plástico e bata mais um pouco. Faça isso até virar um creme, que deve ser retirado e reservado. Coloque mais um pouco de gergelim e repita o processo até acabarem os grãos.

Esse processo é lento. Por isso, prefiro colocar água e azeite de oliva até conseguir liquidificar. No fim acrescento um pouco de sal.

Em lojas de produtos naturais se encontra o TAHINE pronto. Se preferir este industriualizado, leia o rótulo para ver se não colocam algo além de gergelim (e sal).

O tahine feito com gergelim com pele fica um pouco amargo, mas não me incomoda, além de ser mais rico em nutrientes que o feito sem pele.

COMO USAR O TAHINE

Usamos a pasta de gergelim em pão, torrada, no lugar da maionese e em diversas receitas. Seguem algumas:

MOLHO DE TAHINE

1 pitada de sal

3 colheres (sopa) de suco de limão

1 dente de alho (pequeno) amassado

4 colheres (sopa) de tahine

4 colheres (sopa) de água

Numa tigela, junte o sal, o suco de limão e o alho. Adicione o tahine e a água. Misture bem e leve para gelar. Este molho é básico para todos os pratos árabes frios. Pode ser servido puro, com salsinha picada e azeite.


HOMUS DE TAHINE

4 colheres (sopa) de tahine - 300 gramas de grão-de-bico - alho a gosto1 xícara (chá) de água - sumo de 1 limão - azeite a gosto - sal a gosto -hortelã para decorar

Deixe o grão de bico de molho durante a noite. No dia seguinte, cozinhe-o até ficar macio. Espere esfriar e bata no liquidificador com o alho, o tahine, o limão, a água e o sal até formar uma pasta homogênea. Coloque em uma travessa, regue com azeite e decore com folhas de hortelã. Sirva com pão, com salada ou como purê.Fonte

 

LEITE DOURADO (bebida vegetal)
Receita ayurvédica com cúrcuma



O leite dourado é uma bebida doce que melhora a flexibilidade e as dores articulares. Um remédio ayurvédico muito popular entre os praticantes de Yoga. Seu principal ingrediente é a curcuma (açafrão), uma espécie originária da Índia e muito comum no Brasil, que é a responsável por poderosos atributos anti-inflamatórios, antibióticos e antioxidantes. Forma parte dessas especiarias que deveríamos consumir com frequência para cuidar da nossa saúde. Previne e combate enfermidades como artrite, diabete e câncer. Alivia as dores musculares, lubrifica as articulações, purifica o sangue, limpa a pele, fortalece os órgãos reprodutivos femininos, relaxa a mente, entre outros. Desfrute desta bebida quentinha nas noites frias, antes de dormir.

INGREDIENTES:
1 copo cheio de leite vegetal: amêndoas, coco, aveia, arroz, ou outro da sua preferência.
1 colher de café de azeite de coco ou oliva.
¼ de colher de café ou mais de pasta de cúrcuma.
Mel

MODO DE FAZER
Juntar e, sem deixar ferver, aquecer todos os ingredientes, exceto o mel. Retirar do fogo e acrescentar o mel e acrescentar canela se desejar.

PASTA DE CÚRCUMA

INGREDIENTES:
¼ de copo de cúrcuma
½ colher de café de pimenta preta moída
½ copo de água
Podem-se alterar as quantidades sempre que a proporção seja de 2 partes de água para 1 de cúrcuma. Misturar bem e com cuidado porque a cúrcuma mancha um pouco. Aquecer mexendo constantemente até obter uma pasta espessa. Esta pasta deve ser guardada em um frasco fechado na geladeira (frigorífico) até 10 dias.

PRINCIPAIS BENEFÍCIOS
Poderoso anti-inflamatório, antissético e analgésico.
Fortalece o sistema imunológico.
Mantém os níveis de colesterol.
Limpa e desintoxica o fígado.
Melhora as funções cerebrais e de memória.
Melhora os problemas da pele.
Beneficia os ossos e articulações, em geral, e, em especial, paraa coluna: aliviando a artrite, artrose, dores de cabeça, problemas menstruais e qualquer processo inflamatório.
Lubrifica as articulações e ajuda a eliminar os depósitos de cálcio.
Combate catarros, gripes e outras enfermidades do aparelho respiratório: asma, bronquite etc.
Favorece a circulação do sangue e depura o sistema linfático.
Facilita a digestão e previne a aparição de úlcera de estômago.

Link para a postagem original: http://mundoconsciente.es/leche-dorada-receta-ayurvedica-con-curcuma/#sthash.c7eTntYl.14YJdrjP.dpuf
— em Monte Verde - MG.